siga-nos | seja fã
PUB
 

O que se esconde por detrás do Pai Natal?

Imprimir Partilhar por email
03-12-2013 - 22:59
Com a aproximação do Natal, faz todo o sentido saber um pouco mais acerca de uma figura que continua a apaixonar multidões em todo o mundo.
 
Conhecido como “Pai Natal” ou “Papai Noel” no português do Brasil, (“Noël" é natal em francês) esta figura representa uma lenda que, em muitas culturas ocidentais, traz presentes aos lares de crianças bem-comportadas na noite da Véspera de Natal, o dia 24 de dezembro, ou no Dia de São Nicolau (6 de dezembro). 
 
Pensa-se que, a lenda se pode ter baseado em parte em contos hagiográficos sobre a figura histórica de São Nicolau.
 
Trata-se de uma história quase idêntica que é atribuída no folclore grego e bizantino a Basílio de Cesareia. 
 
O Dia de São Basílio, 1 ou 1.º de janeiro, é considerado a época de troca de presentes na Grécia.
 
Mas, para quem não acredita, na realidade o verdadeiro Papai Noel foi uma pessoa de “carne e osso”, mais precisamente São Nicolau Taumaturgo – um arcebispo turco. 
 
São Nicolau costumava ajudar as pessoas pobres da cidade de Mira colocando moedas de ouro nas chaminés de suas casas durante a época de Natal. 
 
Mais tarde, em consequência desses gestos altruístas, diversos milagres foram atribuídos a São Nicolau e, como tal, passou a assumir o estatuto de santo.
 
A sua imagem como símbolo natalício teve origem na Alemanha, e de lá se espalhou para o mundo inteiro. 
 
No calendário alemão, o dia de São Nicolau corresponde a 6 de Dezembro, uma data ainda hoje celebrada por este povo, para oferecer os presentes aos mais pequenos, já que a 24 de Dezembro é a festa da família, onde se festejam as trocas e os afectos.
 
Enquanto São Nicolau era originalmente retratado com trajes de bispo, actualmente o Pai Natal apresenta-se como um homem rechonchudo, alegre e de barba branca trajando um casaco vermelho com gola e punho de manga brancos, calças vermelhas de bainha branca, e cinto e botas de couro preto. 
 
Rapidamente essa imagem se tornou popular nos EUA e Canadá no século XIX, devido à influência da Coca-Cola, que, na época lançou um anúncio do bom velhinho com as vestes vermelhas.
 
A imagem tem-se mantido e reforçado através dos mídia em músicas, filmes e anúncios de vária ordem, a ponto de se associar quase totalmente a imagem do velhinho ao próprio Natal.
 
É comum para as crianças perceberem o Natal através da imagem do boneco que, nesta altura do ano, ocupa praticamente todo o espaço publicitário nas televisões.
 
Segundo a lenda, o Pai Natal mora no Extremo Norte, numa terra de neve eterna. Na versão americana, o doce velhinho mora numa casa no Polo Norte, enquanto na versão britânica frequentemente se diz que, o Pai Natal reside nas montanhas de Korvatunturi na Lapônia, Finlândia. 
 
Como faz sentido que o doce velhinho esteja acompanhado, acrescentou-se a “Mãe Natal” e as suas renas.
 
Outra lenda popular diz que ele faz uma lista de crianças ao redor do mundo, classificando-as de acordo com o seu comportamento, e que entrega presentes, como brinquedos ou doces, a todos os garotos e garotas bem-comportados e, às vezes carvão às crianças mal-comportadas, na noite da véspera de Natal. 
 
É de recordar que, o personagem foi inspirado em São Nicolau Taumaturgo, arcebispo de Mira na Turquia, no século IV.
 
Nicolau costumava ajudar, anonimamente, quem estivesse em dificuldades financeiras. Colocava o saco com moedas de ouro a ser ofertado na chaminé das casas e discretamente aguardava que a vida daquelas famílias melhorasse sem revelar o seu feito generoso.
 
As crianças devem ou não acreditar no Pai Natal?
 
Alguns cristãos dizem que a tradição do Pai Natal desvia os seus crentes das origens religiosas e do propósito verdadeiro do Natal, enquanto que, outros críticos assentam na tese de que, o Pai Natal é uma mentira elaborada e que é eticamente incorrecto que os pais ensinem os filhos a crer na sua existência.
 
Há também quem se coloque na defesa dos pais que, atrás da imagem do Pai Natal, acabam por gastar muito dinheiro e alimentar o consumo, mas de um modo geral, a figura do doce velhinho acaba por anunciar a chegada da tradição em milhões de lares em todo o mundo e, por fascinar as crianças que, normalmente acreditam que o Pai Natal lhes dá presentes até aos poucos anos de vida.
 
Desvendada a Lena, crianças e jovens acabam por não ser indiferentes à magia do fato vermelho e das barbas brancas.
 
Nas escolas, sobretudo em Portugal, alimenta-se a imagem do Pai Natal e a festa circula em torno dessa magia com trabalhos, músicas e diversas actividades que ilustram uma quadra sem que se coloque de parte as crenças familiares ou se entre em colisão com as tendências da comunidade. Tudo porque se aceitou a ideia de que o Pai Natal é para divertir os meninos e, os mais crescidos, acabam por não resistir à alegria que a imagem encerra.
 
Cabe aos pais alimentar ou não esta magia que, normalmente não ultrapassa os seis anos de idade e que acaba por fazer felizes as crianças que, têm a sorte de conseguir acreditar que um velhinho de longe os escolheu para entregar um presente…
 
Já agora, Feliz Natal!
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS NOTÍCIAS
-

Afinal, os amigos não são para sempre!



-

A “ciência” do aperto de mão



-

Com o S. Valentim à porta, saiba como melhorar a sua relação



-

É Demissexual?



-

Descubra os “segredos” das pessoas mais felizes do mundo



PUB
 
PUB
 
ÁREA CLIENTES
Escola de Condução C.C.S
Escola de Condução para Motociclos e Veículos Ligeiros.
ver mais
 
Restaurante Os Arcos
A melhor gastronomia algarvia
ver mais
 
Allô Pizza
Os apreciadores da verdadeira pizza italiana conhecem a casa, local agradável, bom ambiente e boa-disposição.
ver mais
 
 
 
NOTÍCIA MAIS LIDA DO MOMENTO
Maria Leal de volta ao Algarve para animar motards

Maria Leal de volta ao Algarve para animar motards

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Polícia Marítima fiscaliza atividade de venda ambulante em Albufeira

Polícia Marítima fiscaliza atividade de venda ambulante em Albufeira

ver mais
 
Câmara Municipal cede terreno para a nova "casa" da Polícia Judiciária em Portimão

Câmara Municipal cede terreno para a nova "casa" da Polícia Judiciária em Portimão

ver mais
 
Com o «Guia Algarve» da RTA tenha "à mão" 200 eventos em junho

Com o «Guia Algarve» da RTA tenha "à mão" 200 eventos em junho

ver mais
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio