siga-nos | seja fã
PUB
 

Município de Portimão quer repor em 30 dias veículo de combate a incêndios florestais destruído em incêndio

Município de Portimão quer repor em 30 dias veículo de combate a incêndios florestais destruído em incêndio
Imprimir Partilhar por email
15-06-2017 - 11:00
A Câmara Municipal de Portimão encontra-se a diligenciar, através do Serviço Municipal de Proteção Civil e com a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Portimão, a substituição imediata do Veículo Florestal de Combate a Incêndios, totalmente destruído pelo incêndio do dia 12 de junho.
 
A autarquia recorda em nota enviada à imprensa, que na passada segunda-feira, em resposta a um incêndio numa área de elevado perigo de incêndio florestal na freguesia de Marmelete, concelho de Monchique, o referido veículo sofreu danos que levaram à sua perda total, tendo a equipa saído ilesa da situação. 
 
Este veículo florestal de combate a incêndios do Corpo de Bombeiros de Portimão foi adquirido em 2014, no âmbito do plano de reequipamento da Proteção Civil, pelo valor de 122.160€, com comparticipação de fundos comunitários através do PO Algarve 21 a 85%, tendo o Município de Portimão assumido a comparticipação nacional.
 
A Câmara Municipal de Portimão já tomou as necessárias diligências para acelerar o processo de reposição do novo veículo "essencial" para os Bombeiros de Portimão e, independentemente da comparticipação prevista pela administração central, a Presidente da Câmara Municipal levará à próxima reunião de câmara a proposta de apoio imediato à Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Portimão, os quais já receberam propostas de fornecimento de um veículo similar na ordem dos 145.000€, assumindo desde já o restante valor necessário para a sua reposição emergente (valor já estimado em cerca de 25.000 euros). 
 
Refira-se que a Câmara Municipal de Monchique já disponibilizou uma verba para apoiar a reposição imediata do veículo, gesto que segundo a presidente da autarquia “merece a nossa gratidão e demonstra bem a forma solidária e coesa como se enfrentam os desafios do dia-a-dia no âmbito da proteção civil na Região do Algarve.” 
 
A presidente salienta que “esta área estratégica é entendida por todos os autarcas como transversal, independentemente da divisão administrativa de cada Município, porque uma resposta eficaz e eficiente tem que funcionar de forma integrada e supramunicipal. Exemplo disso é o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais cujo apoio financeiro é assumido equitativamente por todos os Municípios, independentemente da área florestal que possua.”
 
Foto:Veículo oferecido pela Câmara aos Bombeiros de Portimão em 2014
 
Algarve Primeiro
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS NOTÍCIAS
-

Jorge Botelho tomou posse afirmando Tavira como "centro do Sotavento"



-

CASTRO MARIM:Francisco Amaral começa novo mandato a defender "consensos para lutas que valem a pena"



-

Olhão associa-se à Semana de Luta Contra a Pobreza e Exclusão Social



-

LAGOA:Alergias nas crianças debatidas em palestra com especialista do CHUAlgarve



-

Algarve:Se chover, a água não será muita!



PUB
 
NOTÍCIA MAIS LIDA DO MOMENTO
Algarve:Se chover, a água não será muita!

Algarve:Se chover, a água não será muita!

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Jorge Botelho tomou posse afirmando Tavira como "centro do Sotavento"

Jorge Botelho tomou posse afirmando Tavira como "centro do Sotavento"

ver mais
 
CASTRO MARIM:Francisco Amaral começa novo mandato a defender "consensos para lutas que valem a pena"

CASTRO MARIM:Francisco Amaral começa novo mandato a defender "consensos para lutas que valem a pena"

ver mais
 
Olhão associa-se à Semana de Luta Contra a Pobreza e Exclusão Social

Olhão associa-se à Semana de Luta Contra a Pobreza e Exclusão Social

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio