siga-nos | seja fã
PUB
 

ALJEZUR:PAN junta-se a vários ativistas pelo ambiente em mega ação contra prospeção e produção de hidrocarbonetos

ALJEZUR:PAN junta-se a vários ativistas pelo ambiente em mega ação contra prospeção e produção de hidrocarbonetos
Imprimir Partilhar por email
09-08-2017 - 11:34
O PAN – Pessoas-Animais-Natureza, participa no próximo sábado dia 12 de agosto, com a presença de Francisco Guerreiro e Sandra Marques, ambos Comissários Políticos Nacionais, na ação de arte aérea, na praia de Odeceixe, pela proteção da Costa Portuguesa face à ameaça de prospeção e exploração de petróleo e gás, e em nome do fim das monoculturas de eucaliptos que alimentam os fogos florestais.
 
Segundo comunicado do PAN, trata-se de uma ação que junta várias entidades por causas comuns: ativistas da ASMAA; ALA; Climaximo e outras iniciativas ambientais, juntamente com 200 participantes internacionais no encontro "Defend the Sacred: Imagina uma Alternativa Planetária", em Tamera.
 
Sob a direção de John Quigley, ambientalista norte-americano, educador e artista de arte aérea, os participantes utilizarão os seus corpos para desenhar uma mensagem na praia, registada por drones equipados com material de filmagem. 
 
O evento será acompanhado por danças e intervenções de LaDonna Bravebull, iniciadora do movimento em Standing Rock, EUA; José Amarelinho, Presidente da Câmara Municipal de Aljezur; Sabine Lichtenfels, co-fundadora de Tamera; Laurinda Seabra, diretora da ASMAA; entre outros.
 
O PAN considera que é necessária uma posição definitiva por parte do governo sobre esta matéria até por uma questão de alinhamento de políticas internacionais que alertam para os impactos ambientais, económicos e sociais da prospeção, pesquisa, desenvolvimento e produção de hidrocarbonetos.
 
A comunidade científica partilha deste posicionamento tendo defendido recentemente numa carta aberta que: "É preciso que cessem, desde já, todos os contratos em vigor e que se recusem novas emissões de licenças, de forma a evitar danos irreparáveis para a economia, o meio ambiente e as suas comunidades".
 
O PAN desafia o governo a estabelecer uma meta para o fim da comercialização de veículos movidos a combustíveis fósseis no país, para 2025, ou mesmo "mais conservadoramente para 2040, como outros países Europeus, porém ambas as metas foram ignoradas", frisa o mesmo comunicado.
 
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS NOTÍCIAS
-

LAGOS:PCP continua indignado com falta de condições do posto da GNR



-

Autárquicas::Veja os resultados por Concelho



-

Autárquicas:Depois de conseguir atrair turistas Monchique quer agora «fixá-los» no concelho



-

Autárquicas:Candidatos à Câmara de Tavira querem mais e melhor investimento na cultura



-

Autárquicas:Coligação Sim, Juntos Por Olhão realizou jantar-comício no "coração da cidade"



PUB
 
NOTÍCIA MAIS LIDA DO MOMENTO
Algarve:Se chover, a água não será muita!

Algarve:Se chover, a água não será muita!

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Jorge Botelho tomou posse afirmando Tavira como "centro do Sotavento"

Jorge Botelho tomou posse afirmando Tavira como "centro do Sotavento"

ver mais
 
CASTRO MARIM:Francisco Amaral começa novo mandato a defender "consensos para lutas que valem a pena"

CASTRO MARIM:Francisco Amaral começa novo mandato a defender "consensos para lutas que valem a pena"

ver mais
 
Olhão associa-se à Semana de Luta Contra a Pobreza e Exclusão Social

Olhão associa-se à Semana de Luta Contra a Pobreza e Exclusão Social

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio